Mototaxista é executado em Santana; polícia desconhece motivação

Vítima estava em casa, no início da noite de sábado (02), com a esposa e filhos, quando recebeu pelo menos duas ligações para fazer supostamente uma corrida. Seria uma emboscada.

O mototaxista Edinael Pacheco dos Santos, de 29 anos, foi executado com pelo menos quatro tiros na noite de sábado (02) em uma rua escura próxima ao Parque do Grego, no município Santana, distante 17 quilômetros de Macapá.

A esposa contou a policiais do 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM) que a vítima recebeu pelo menos duas ligações em que uma pessoa solicitava uma corrida ao trabalhador. Edinael saiu de casa ao encontro do suposto cliente e acabou alvejado.

O resgate médico foi acionado, mas ele não resistiu, morrendo no local. A informação inicial é de que o aparelho celular de Edinael havia desaparecido. Não se sabe se apenas uma pessoa participou do crime, muito menos a motivação.

O corpo do mototaxista foi removido para o Departamento de Medicina Legal (DML) da Polícia Técnico-Científica (Politec) para ser necropsiado. A Delegacia de Homicídios de Santana assumiu as inverstigações.

Fonte: https://www.diariodoamapa.com.br/cadernos/policia/mototaxista-e-executado-em-santana-policia-desconhece-motivacao/.